Clique aqui na imagem e ouça a Web Rádio ao vivo

Pages

quarta-feira, 8 de junho de 2022

Move CE escuta setores da agricultura, hotelaria e moda em Fortaleza

 Encontro do Move Ceará, realizado no auditório Murilo Aguiar da Alece

Encontro do Move Ceará, realizado no auditório Murilo Aguiar da AleceFoto: Leomar
O fortalecimento da agricultura familiar e a capacitação dos profissionais que atuam nos diversos setores produtivos estiveram entre as principais demandas coletadas no encontro do Move Ceará realizado nesta terça-feira (07/06), no auditório Murilo Aguiar da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará.

O Move CE entra em sua reta final de escutas e hoje ofereceu oportunidade aos setores da agricultura familiar, agronegócio, turismo, hotelaria e economia da moda de Fortaleza e municípios da Região Metropolitana (RMF), como Maracanaú, Caucaia e Pacatuba, de manifestarem suas demandas.

Luiza Martins, secretária do Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos da Assembleia Legislativa, informou que essa fase final de escutas deve passar ainda pelos municípios de Aquiraz e Paracuru. “A RMF é muito extensa e com demandas muito específicas. Um setor é mais voltado para a indústria, outro para a agricultura, outro para economia do mar, e por aí vai. Então decidimos segmentar a região para qualificar a discussão dentro dos assuntos prioritários de cada lugar”, esclareceu.

O encontro desta terça-feira contou com a participação do presidente do Sindicato Rural de Caucaia, Ricardo Nunes, que cobrou o fortalecimento da agricultura e do agronegócio, não só para Caucaia, mas para todas as regiões do Estado.

Segundo ele, apesar da boa quadra invernosa, os trabalhadores rurais ainda precisam de treinamento e capacitação para tornar a produção eficiente. “Nosso maior desafio hoje é fazer com que o agricultor veja seu trabalho como um empreendimento que precisa ser cuidadosamente administrado e planejado, e é nesse objetivo que temos focado. Capacitar o trabalhador e qualificar o trabalho pode garantir uma produção mais eficiente e tornar a agricultura um negócio verdadeiramente rentável”, defendeu.

Na mesma linha, o vice-presidente de Administração e Finanças da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará (Faec), Luiz Mendes de Sousa, também falou sobre o fortalecimento das hortas urbanas. “O agronegócio tem muito a oferecer, e temos projetos voltados para o ensino de cultivo de hortas urbanas, algo que gera economia e supre a falta de alimentos, mas que precisa ser fortalecido e ampliado de forma a contemplar maiores espaços”, apontou.

Para o setor de turismo, o representante do Sindicato Intermunicipal dos Trabalhadores no Comércio Hoteleiro e Similares do Estado (Sintrahortur), Raimundo Fernandes, apontou para o estímulo e qualificação do trabalhador que ocupa cargo em estabelecimentos voltados para o turismo, tais como hotéis, bares, restaurantes e outros, assim como um diagnóstico do setor hoteleiro.

Conforme apontou, os profissionais lidam com turistas diariamente e com barreiras no atendimento provocadas pelas condições estruturais dos estabelecimentos ou pela falta de qualificação dos trabalhadores. “É preciso estímulo para que esses profissionais, por exemplo, deem continuidades aos estudos e ampliem sua visão profissional, algo que impacta diretamente nos serviços que estão oferecendo”, disse.

O representante da Associação de Stand Up Paddle do Ceará também reforçou que políticas voltadas para a educação dos jovens, no âmbito das escolas públicas, também podem contribuir para o desenvolvimento dos negócios voltados para a economia do mar. Ele informou que esses negócios não dizem respeito apenas ao mar, mas a toda a cadeia produtiva gerada ali, seja por meio da pesca, do turismo, dos esportes, da gastronomia e outros setores.

O encontro de hoje contou com a participação ainda de representantes da Secretaria de Turismo dos municípios de Caucaia e Pacatuba. Na parte da tarde, serão ouvidas as demandas do setor de Moda de Fortaleza e Região Metropolitana. Os dois últimos encontros do Move Ceará estão programados para acontecer nesta quarta-feira (08/06), no município de Aquiraz, e quinta-feira (09/06), em Paracuru.

PROJETO

Resultado da parceria entre a Assembleia Legislativa do Ceará, por meio do Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos, e a plataforma de negócios TrendsCE, o Move CE se dedica à priorização de ações de curto prazo, por meio da escuta ativa dos principais agentes estratégicos e atores do setor produtivo do Estado, a partir da realização de 14 encontros regionais, um em cada macrorregião cearense.

Nesta etapa do projeto, a TrendsCE, a Assembleia Legislativa, por meio do Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos, parceiros e entidades do setor produtivo realizam reuniões para traçar planos e metas capazes de promover resultados de impacto na economia cearense a partir da identificação dos setores prioritários de cada macrorregião percorrida.

Ao longo dos últimos meses, o Move Ceará realizou encontros nos municípios de Crato, Sobral, Camocim, Aracati, Baturité, Canindé, Quixeramobim, Crateús, Tauá, Itapipoca, Guaraciaba do Norte, Limoeiro do Norte e Iguatu. Todo o levantamento estratégico das macrorregiões do Ceará estará disponível na plataforma Move Ceará, que agrupa o acervo completo de notícias e materiais acerca dos trabalhos em desenvolvimento no Estado.

PE/AT

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

As Mais Lidas do Site

Mudas Frutíferas

Sebrae

Assembleia Legislativa do Estado do Ceará

Blog do Rogério Gomes

Olhar Munipal com Fábio Tajra

Acordeon para iniciantes

Tempo Agora em Fortaleza

Ouça no Rádios Net

Total de visualizações do Site