Clique aqui na imagem e ouça a Web Rádio ao vivo

Pages

terça-feira, 3 de agosto de 2021

Ematerce visita trabalhos no interior do Estado com foco na reestruturação das ações e tecnologias

 As visitas ocorreram de 19 a 30 de julho na presença dos consultores da MBS, da diretoria técnica e o presidente da instituição que ouviram os agricultores assistidos pela Ematerce, além dos gerentes regionais e locais.

 

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce), inicio as visitas a campo com o objetivo de escutar os agricultores e avaliar o que pode ser melhorado no processo de atendimento, tecnológico e melhorias internas. O primeiro destino foi o município de Baturité. Na ocasião foi visto o potencial do agro turismo na região e algumas atividades agrícolas que a Ematerce acompanha.

27 de Julho – Terça-feira.

Visita a comunidade Pirangi, no município de Itapipoca. Na primeira visita escutou-se o agricultor Raimundo José, que em sua propriedade foram plantadas, com o auxílio do técnico da Ematerce, Claudio Matoso, mudas de cajueiro anão precoce. Hoje o produtor chega a colher 20 toneladas de castanha por período de safra.

Coleta de 150 kg de castanhas.

Além dos cajueiros, foram plantadas mudas de mandioca da variedade pretinha, o que gera emprego e renda para os agricultores locais na hora do plantio e na hora da colheita e preparo da raiz para a casa de farinha.

Casa de farinha de mandioca.

Posteriormente visitou-se um abatedouro de frango, obtidos com recursos do Projeto São José 3 (PSJ III). O empreendimento tem capacidade para abater 8 mil frangos por turno e, ao entrar em atividade, poderá beneficiar todos os criadores de frango da região.

O equipamento é uma das formas que a Ematerce realiza para fomentar a economia do pequeno e médio produtor.

Diretoria técnica e presidente da Ematerce em vista ao abatedouro de frango.

28 de Julho – Quarta-feira.

O dia foi de visitas aos produtores da comunidade São Domingos, no município de Sobral. Durante a passagem da comitiva da Ematerce, os consultores conheceram o Núcleo de Irradiação Tecnológica (NIT), onde se pode observar as tecnologias utilizadas para aperfeiçoar a agricultura em um pequeno espaço.

Reunião na comunidade São Domingos.

Outro atrativo deu-se ao projeto Cabra nossa, que hoje atende a 226 famílias em 18 comunidades, onde 36 famílias são assistidas pelo projeto somente em Sobral.

Projeto Cabra Nossa.

29 de Julho – Quinta-feira.

Seguindo pela região da Ibiapaba, visitou-se 2 grandes destaques que são auxiliados pela Ematerce. No primeiro momento conheceu-se a COAPOI (Cooperativa agropecuária dos produtores orgânicos da Ibiapaba).

Os cooperados produzem alimentos da agricultura familiar 100% orgânico e abastecem os municípios de Fortaleza, Sobral e Petrolina (Pernambuco) e vende para os mercados dos Estados de Maranhão e São Paulo.

A cooperativa conta hoje com 30 sócios e realizam vendas instituvionais atarvés dos programas Programa Aquisição de Alimentos (PAA) e Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), embora atendam ao mercado institucional, apenas 20% do faturamento da cooperativa advém das vendas para o Governo.

A cooperativa possui um total de 26 hectares, 11 implementos pelo PSJ e mais de 40 produtos que são produzidos pelos produtoroes.

Couve orgânico produzido pela cooperativa.

A visita seguinte foi à Associação Comunitária Filhas de Santa Luzia, na comunidade Campo de Colve. Uma associação que conta com o trabalho exclusivo de 53 mulheres e foram contempladas com 2 projetos: Uma panificadora e uma indústria de polpas de frutas.

Na panificadora as produtoras vendem bolos, biscoitos e pães de macaxeira, esse projeto teve, em parte, o financiamento do Banco do Nordeste, através do microcrédito destinado a cada produtora,

Panificadora da associação.

A indústria de polpas produz mais de 20 sabores diversos, onde 5 são coletados na própria comunidade, sendo elas: acerola, manga, goiaba, maracujá e cajá.

Através do Programa Hora de Plantar a comunidade recebeu, em 2020, 4 mil mudas de acerola, o que fortaleceu a produção e incentivou as produtoras a darem sequência nesse empreendimento.

Agroindústria de polpas.

30 de Julho – Sexta-feira.

Finalizando a jornada de visitas, pela manhã, no município de Crateús, realizou-se uma reunião com os gerentes a fim de escutar propostas de melhorias para a instituição.

Reunião em Crateús, no auditório Gilmar Pereira de Sousa.

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Redes Sociais

. Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

As Mais Lidas do Site

Mudas Frutíferas

Sebrae

Assembleia Legislativa do Estado do Ceará

Blog do Rogério Gomes

Olhar Munipal com Fábio Tajra

Acordeon para iniciantes

Tempo Agora em Fortaleza

Ouça no Rádios Net

Total de visualizações do Site